Ainda sem planos para a passagem de ano? Venha descobrir 10 Airbnb, na zona de Leiria, para desfrutar do seu reveillon


A TIL elaborou uma lista com várias opções de moradias, apartamentos e quartos, disponíveis no Airbnb, para aqueles que ainda estão a decidir os seus planos de ano novo. Há imensas opções disponíveis por alugar!

Com certeza que o ano de 2020 não se vai desvanecer da nossa memória durante muito tempo, pelo impacto que causou nas nossas vidas e no mundo em geral. Apesar das restrições impostas pelo governo, entre os dias 31 de dezembro e 4 de janeiro, ainda nos é possível desfrutar da passagem de ano numa moradia ou apartamento diferente, com a companhia de amigos ou família.

Leiria

 

No centro da Batalha encontra-se o Mosteiro View, um apartamento indicado para duas pessoas, a um preço de 53 euros por noite. Dispõe de uma cama de casal, kitchenette equipada, casa de banho, zona de estar e mesa de refeições, perfeito para uma noite relaxante e sem preocupações.

 

É em Carvide que se situa esta fantástica moradia, por apenas 70 euros por noite. Se quer ficar no concelho mas pretende evitar o centro de Leiria, então esta sugestão é a indicada. Aloja dois hóspedes, e tem disponível um quarto, uma cozinha, uma casa de banho e ainda uma piscina exterior e um jacuzzi.

Nazaré

 

Com uma localização fantástica, dispondo de uma vista para o mar e para as típicas ruas da Nazaré, a Casinha do Alecrim está disponível a 125 euros por noite. A habitação contém dois quartos, duas casas de banho, uma varanda e cozinha. É um espaço acolhedor e ideal para os amantes de praia.

 

Por 80 euros por noite, pode desfrutar da sua noite de ano novo na Casa da Isabel com a sua cara metade, amigo ou familiar de eleição, isto porque a casa apenas aloja dois hóspedes. A 5 minutos a pé da praia da Nazaré, conta com um quarto, uma cozinha equipada e uma casa de banho. Aproveite o pôr do sol na Nazaré a partir do terraço disponível na moradia.

Marinha Grande

 

A Casinha do Brejo, localizada na Marinha Grande, está disponível para alugar por apenas 72 euros a noite. Esta é uma casa confortável e espaçosa, que dispõe de uma piscina e um espaço exterior muito agradáveis para uma noite inesquecível. São apenas permitidos dois hóspedes.

Caldas da Rainha

 

Sempre imaginou como seria viver num moinho? Então este alojamento é ideal para si! Por apenas 115 euros por noite pode desfrutar de uma estadia completamente mágica em Santa Catarina, uma pequena vila nas Caldas da Rainha. Com 1 cama de casal e 4 camas individuais, o moinho dispõem de uma vista privilegiada para a Serra de Aire e Candeeiros. Construído há mais de 400 anos pelos Monges do Cister de Alcobaça, aloja até 5 hóspedes para um reveillon no meio do campo e da natureza.

 

Se o seu grupo tem até 6 pessoas, este apartamento nas Caldas da Rainha é o espaço a eleger. A 19 Tile Boutique House está situada no coração da cidade e oferece uma decoração única, com cerâmicas produzidas por artistas locais. Por 176 euros por noite, pode usufruir de 3 quartos, televisão, wi-fi e uma casa de banho. A cozinha está localizada no primeiro andar e é partilhada.

Óbidos

 

Se procura uma habitação espaçosa, não coloque a Happy Home de lado! Por 99 euros por noite, com uma vista fabulosa para o Castelo de Óbidos esta casa permite alojar 5 hóspedes e dispõem de 5 camas, cozinha, um enorme jardim e uma casa de banho.

 

Este Airbnb é perfeito para os fãs de música, pela sua decoração e temática envolvente. “Criado para receber pessoas aptas a receber o carinho que é colocado nas peças artesanais e únicas criadas pelos proprietários e desfrutarem de paz e tranquilidade num ambiente sereno”, pode ler-se na descrição da casa. Por 97 euros por noite, tem ao seu dispor 2 quartos e uma casa de banho no centro da aldeia do Vau. Ideal para até 5 pessoas.

Alcobaça 

 

Localizado em Pataias, este apartamento tem capacidade máxima de 5 pessoas, por 132 euros por noite. Dispõe de 2 quartos, ambos com cama de casal, uma casa de banho e um amplo jardim com churrasqueira onde poderá cozinhar os seus pratos para a noite do dia 31. É uma moradia simples, ideal para uma família ou dois casais. Destacamos a sua proximidade com a praia, perfeito para o passeio matinal no primeiro dia do ano.

5 sugestões de presentes (locais) para homem – sem gastar mais de 20€


Se ainda não tratou de comprar as prendas aos homens da sua família ou grupo de amigos, esta lista é ideal para si. A TIL sugere-lhe várias opções disponíveis no distrito de Leiria.

Pack Special Strong Lager Gift + 2 flutes – Xarlie

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Uma publicação partilhada por Xarlie (@cervejaxarlie)

 

A cerveja Special Strong Lager é “Exuberante e Harmoniosa”. De cor dourada e espuma cremosa marfim, é o produto premiado da Cerveja Xarlie. “Ostenta um perfil elegante e um equilíbrio harmonioso, entre as notas de malte, os aromas cítricos e frutos de pomar, provenientes dos nobres lúpulos europeus.”

Num flute, bem fresca, é ideal para acompanhar uma refeição ou simplesmente degustar num final de tarde com amigos.

A compra pode ser feita online (com um desconto atual de 3,01€), ou em loja física.

Preço: 19,99€

+info:  IC2 ­ Lagoa, Lugar de Barracão, Colmeias, 2420-195 Leiria |  244 004 021

Voucher para uma tattoo – Barão V Tattoos

Foto: Facebook Barão V Tattoos

Este estúdio de tatuagens, localizado na Praça Rodrigues Lobo, tem disponível um gift voucher para oferecer, no valor que pretender. O seu foco principal é o estilo de tatuagens tradicional, mas todos os outros estilos são bem-vindos.

Uma ideia original para quem já anseia há muito por uma tatuagem.

+info: Praça Rodrigues Lobo 51 1 B, 2400-271 Leiria |  244 205 155

Visita Guiada aos Pomares da Sidrada

Sidrada dispõe agora de provas de sidras no Oeste

A Sidrada é uma marca localizada no Bombarral que, para além de oferecer toda uma diversidade de opções de sidras, recentemente apostou na prova de sidras e espumantes e uma visita guiada pelos seus pomares de maçã e pêra, de modo a dinamizar e aumentar o turismo na zona Oeste.

As visitas têm uma duração de 1h30 e podem ser marcadas através do site ou dos vouchers Odisseias. É sem dúvida uma prenda perfeita para oferecer à sua cara metade.

Preço: Desde 15€ a 20€

Cartão Oferta – Ponto Negro

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Uma publicação partilhada por Ponto Negro Fashion (@pontonegrofashion)

 

Está indeciso ou indecisa entre um polo, uma camisa ou uma carteira? Porque não oferecer um cartão oferta da loja Ponto negro? Basta escolher o valor monetário que pretende colocar no cartão e o presenteado tem a possibilidade de escolher a peça de roupa que mais gostar.

+info: Av. Heróis de Angola 43, 2400-154 Leiria | 244 892 337

Kits para Gin – Infusa

Infusa: a recente loja nas Caldas da Rainha para amantes de tisanas, infusões e gin

Uma boa opção para dar sabor aos seus homemade gins é apostar nos kits de gin produzidos pela Infusa. São vários os sabores disponíveis, como Laranja, Limão, Pau de Canela e Bagas de Zimbro; Manga, Lima e Pimenta Rosa; e ainda duas edições limitadas perfeitas para os meses de inverno: Figo, Limão e Bagas de Zimbro; Morango e Pétalas de Rosa.

Pode adquiri-los online, aqui.

Preço: Desde 1,20€ a 6€

+info: CALDAS EMPREENDE – R. Manuel de Matos e Sousa 76, gabinete 6, 2500-290 Caldas da Rainha | 912282276

 

Foto: DR

Infusa: a recente loja nas Caldas da Rainha para amantes de tisanas, infusões e gin


Ana Filipa Ferreira, natural de Óbidos e com uma enorme paixão por ervas aromáticas e culinária, criou Infusa, a nova aposta de infusões e condimentos nas Caldas da Rainha.

O gosto por plantas e flores surge desde pequena, consequência do trabalho dos pais na área da floricultura. Com isto, desponta a motivação em estudar Arquitetura Paisagista, “Quando terminei o curso, dediquei-me à manutenção de campos de golfe, onde trabalhei alguns anos e no final já era responsável pela manutenção do Paço do Lumiar, em Lisboa.”, conta-nos. Mais tarde foi projetista de cozinhas no Leroy Merlin de Sintra e em 2018 começou a trabalhar para a sede de um banco. “Ao final de um ano no banco, tomei então a decisão de voltar para Óbidos e lançar o projeto.”.

A vontade de querer criar um projeto próprio levou Ana Filipa a dar aso ao seu negócio, localizado no edifício do Caldas Empreende. As suas plantações estão em Óbidos mas, com a necessidade de legalizar um espaço  para fazer a desidratação e embalamento, o Caldas Empreende foi o espaço exato para iniciar a sua carreira no mundo do empreendedorismo, “Admito que esta ajuda foi essencial para o desenvolvimento do projeto, e a qual muito agradeço”, refere Ana.

Apesar de ser conhecedora do ramo das plantações, Ana refere que este primeiro ano esteve sempre em teste, “principalmente para perceber as quantidades necessárias e como lidar com algumas pragas e doenças.”.

Após vários testes, começaram a surgir as primeiras infusões. “Comecei com as Infusões de Cidreira, Menta, Lúcia-lima e Erva Príncipe (disponíveis em lata a 6,50€ ou em saqueta por 1,90€) e no verão apareceu a Perpétua-roxa (saqueta a 2,90€).”. Depois de iniciadas as misturas com tisanas, sendo esta uma bebida de ervas medicinais, Ana criou tisanas de Menta e Chocolate; Cidreira, Laranja, Canela do Ceilão; Lúcia-lima, Limão e Gengibre (todas a 3,90€). Com o Natal foi lançada a Tisana de Natal (disponível em lata a 8,90€), com folhas de Erva Princípe, de Perpétua-roxa e canela do Ceilão.

Especial Natal: Tisana de Natal e Kit para Vinho Quente

Para além das plantas referidas acima, apostou também nos kits para gin (disponíveis a 1,20€). Estes kits são embalagens unidose com os botânicos e frutas para um copo de gin. Neste momento estão disponíveis 7 sabores, sendo que dois deles, o de Morango e o de Figo, são edições limitadas por serem fruta da época. A preparação para os kits tem a sua essência, “a fruta é fatiada, depois no caso dos citrinos leva um pouco de calda de mel para diminuir a acidez, e vai desidratar cerca de 15-20 horas. No caso do Gin Mi (Laranja brulée, anis e canela) as rodelas de laranja levam açúcar mascavado e vão ao fogo para queimar.”. Como toque final “é só juntar as especiarias em cada embalagem com a fruta, segundo a respetiva receita.”.

Condimentos como Louro, Pimenta Caiena Desidratada, Jindungo, Estragão também estão à venda na Infusa. Os preços variam entre 1,75€ e 2,90€, dependendo se prefere em frasco ou em tubo.

Condimentos: Pimenta Caiena Desidratada e Jindungo

Ana finalizou o projeto no início de Março, “Lembro-me que fui tentar vender sem sucesso nessa semana e o argumento era a pandemia, que as pessoas já não compravam com medo. O que é certo é que na sexta-feira seguinte saia a noticia que íamos todos de quarentena para casa.”. O que fez foi dar um passo atrás, “Dediquei-me à plantação e refiz o design das embalagens com mais calma. Sempre foi o objetivo ter uma loja online, na altura já a tinha e acabei por lançá-la, o que ajudou a gerar as primeiras vendas.”, conta-nos.

Conceber um negócio no meio de uma pandemia pressupõe cautela e ponderação, no entanto, para Ana, ” O plano neste momento passa por continuar a crescer de forma sustentadaOlhar para o mercado e ver quais os produtos que melhor se adequam e, nesse sentido, continuar a fazer algumas criações. Privilegiar algumas efemérides e produtos regionais e homenagear com produtos especiais.”.

Para comprar os seus produtos poderá dirigir-se à loja online em: www.lojainfusa.pt ou ao gabinete do Caldas Empreende, que embora não seja loja física, os produtos estão disponíveis lá e é possível levantar as suas encomendas.

A marca infusa está igualmente disponível noutros mercados, incluindo a Loja das Azeitonas do Oeste, através da ESOESTE, e na mercearia fina Les Frenchies, ambas nas Caldas da Rainha. Em Leiria estão à venda na Lisqueijo. Nos meios online, encontra-se disponível em Tachos e Vinil, Cobalto.box, Olive and Luna Shop e Surprise box.

Com a época natalícia quase à porta, espreite aqui as opções natalícias.

 

Foto:DR

Vá até ao La Vie, nas Caldas da Rainha, para receber um cabaz de natal


Todos os visitantes do Centro Comercial La Vie, nas Caldas da Rainha, podem ganhar um cabaz de natal por dia no valor de cem euros, ao fazerem as suas compras no hipermercado Auchan.

Aqueles que apresentarem a compra mais alta do dia, efetuada no hipermercado Auchan, ganham um cabaz de natal com produtos alusivos a esta época. Este passatempo dura de 2 a 24 de dezembro. Entre os dias 26 e 30 de dezembro o cabaz será alusivo ao Ano Novo.

Para os mais pequenos, o La Vie desenvolveu a ação “Carta ao Pai Natal”, que consiste no envio de uma carta ao pai natal, em que todas as crianças serão presenteadas e as dez melhores terão uma oferta especial. Estas cartas foram enviadas entre o dia 17 de novembro e 14 de dezembro.

Para mais informações consulte o Facebook La Vie Caldas da Rainha.

Foto: Facebook La Vie Caldas da Rainha

Comer em Casa já anda a circular em Óbidos – venha conhecer esta nova app de entregas ao domicílio


Novas apps de entregas de comida ao domicílio têm chegado a várias zonas do distrito durante o último ano. Desta vez, a Comer em Casa chegou a Óbidos e já pode realizar os seus pedidos sem sair de casa.

São mais de 20 restaurantes que se aliaram a esta app, não apenas de Óbidos, mas também de outros locais do distrito. Restaurantes como A Tasca Torta, Avocado, A Toca do Coelho, A Cêpa e o Wok One são algumas das opções disponíveis a encomendar.

Para além de refeições, a aplicação tem também disponível a entrega de produtos de conveniência.

Esta app pode ser transferida para o seu telemóvel, no entanto é possível aceder à mesma através do seu portal online.

Comer em Casa está disponível por todo o país e chegou ao distrito de Leiria, com instalações em Caldas da Rainha e São Martinho do Porto.

Foto: Facebook Comer em Casa – Óbidos

A nova aplicação dos The Gift oferece conteúdo inédito aos seus fãs


REV, é assim que se chama a nova aplicação exclusiva da banda de Alcobaça. Pode contar com concertos exclusivos, relíquias da banda e material nunca antes editado.

Um verdadeiro ecossistema de memorabilia, do presente e do futuro dos The Gift, que honra e celebra o percurso da banda que simboliza o movimento DIY (do it yourself) em Portugal.

Sobre o nome da aplicação, REV é evolução. Para os Gift, evolução é olhar pelo retrovisor e perceber todas as estradas que percorreram e aquilo que viveram até aqui. É também olhar em frente e poder dar a conhecer, de uma forma única, aquilo que vão ser no futuro, com total liberdade para criar, fazer e refazer.

REV é o reflexo da palavra VER e esta é a oportunidade de conhecer os The Gift por dentro. Ver quem são de verdade.

Além de compilar todo o histórico da banda, a App REV inclui também conteúdos exclusivos, como vídeos making of, vídeos oficiais das músicas, documentários, concertos antigos gravados ao vivo, em formato audio, vídeo e outros formatos, criados especificamente para a aplicação.
Entres eles, programas individuais desenvolvidos por cada um dos membros da banda, que representam um conceito inovador de “televisão feita por artistas e rádio feita por músicos“.

A App REV terá uma versão gratuita e uma versão premium.

A banda descreve os conteúdos disponíveis na aplicação como a possibilidade de “dar a conhecer palcos que nunca foram vistos, músicas que nunca foram ouvidas, concertos únicos. Arriscar campos que não dominamos, mas que nada nos impede de passear por eles. É estar perto de quem nos mantém vivos. É ter liberdade para fazer“.

Foto: Facebook The Gift

Maria do Pomar – à distância de um click pode receber legumes e frutas frescas em casa


A nova marca portuguesa “Maria do Pomar” entrega cabazes de legumes e frutas frescas ao domicílio, em qualquer ponto do país.

Após a enorme adesão e depois de ter dado os primeiros passos em Lisboa, Porto e Margem Sul, a marca Maria do Pomar expandiu-se para todo o país, incluindo assim a cidade de Leiria. Para encomendar é simples, basta aceder à página online, ou através da app, onde é possível escolher produtos da época, tanto nacionais como internacionais e recebê-los em 24 horas.

Estes alimentos podem ser adquiridos de forma individual ou em cabazes, de acordo com as necessidades de cada família.

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Uma publicação partilhada por Maria do Pomar (@mariadopomarapp) a

 

Os preços por cabaz variam entre 19,50€ e 49,99€, incluindo o Cabaz Familiar, de Empresa e ainda o Cabaz alusivo ao São Martinho – todos eles com vários tamanhos. De momento têm uma novidade, o Cabaz Fitness, por 29,50€.

Para além de frutas e vegetais, a marca nacional dispõem também de diversos tipos de frutos secos, bebidas vegetais e água.

Botellini – o restaurante vegetariano, nas Caldas da Rainha, que nos coloca frente a frente com arte contemporânea


Pelo meio de um negócio de família, cultivado e criado por Marisa Botelho e os seus filhos, Matilde e Simão, nasce Botellini, a nova aposta gastronómica na cidade de Caldas da Rainha. Nesta cozinha é atribuído o selo vegetariano a todos os pratos confeccionados, sejam eles portugueses ou internacionais. Para além disso, há arte para contemplar.

“O meu irmão já há muitos anos que tinha a ideia de abrir um restaurante vegetariano.”, começa por nos contar Matilde, numa tarde de verão em Agosto.  Confessa que o vegetarianismo nem sempre fez parte das suas vidas, mas que a paixão pela culinária sempre esteve presente no seu irmão. “Desde  pequenino que o meu irmão gostava de ir para a cozinha fazer receitas, onde eu aproveitava para ir comer (risos), e sempre se interessou muito por culinária.”

Matilde é licenciada em Design de Multimédia e Simão em Design Industrial, mas a vontade de abrir um estabelecimento de restauração sempre fez parte dos projetos futuros dos dois irmãos.  “O meu irmão antes de ir para a faculdade tinha visto um espaço, aqui nas Caldas, que tinha gostado muito e que queria abrir, só que depois por uma questão de dinheiro e da altura que era não abrimos.” Após terminarem o curso superior decidiram alugar um espaço nas Caldas, onde acabaria por nascer o Botellini. Para se juntar ao negócio, a sua mãe, Marisa Botelho, mudou-se de Grândola para Caldas, “Chegou uma altura que a nossa mãe nos disse que queria era estar ao pé dos filhos!”, refere Matilde.

Os almoços funcionam com pratos do dia e menus variados. O menu inclui o prato principal e a escolha de sopa e salada ou sopa e sobremesa, onde o maior foco é na utilização de produtos frescos, biológicos e nutricionais. Ao jantar dispõem de serviço à carta, com um menu “absolutamente delicioso, inspiração variada, acompanhado de uma escolha musical completamente surpreendente”, como se pode ler no website. Este menu vai-se alterando sazonalmente, correspondendo sempre aos produtos da época disponíveis no mercado.

Apesar de ser um restaurante vegetariano e de apresentarem uma ementa pequena, Matilde afirma que é importante saber criar pratos para todos os gostos e dietas, “O vegetarianismo é sempre associado com o ser saudável e não quer dizer que não deveria de ser, porque devia, mas não é só, e as pessoas têm que ter gosto a comer. Nós servimos batatas fritas, mas também servimos pratos mais saudáveis, porque a ideia é dar a conhecer o vegetarianismo a quem não conhece e trazer novidade e algo desconhecido para aqueles que já conhecem.” Na ementa, há pratos não só portugueses como também do mundo inteiro, como o típico À Bulhão Pato  (3,5€) até ao Risotto alla Zuca (8€), proveniente do norte de Itália.

A confecção dos pratos é liderada por Marisa durante a hora do almoço e à noite o avental é entregue ao filho Simão, onde coloca em prática os seus pratos alternativos e completamente originais. O famoso fish and chips ganhou lugar na ementa noturna durante o verão, “Muitas pessoas ficaram intrigadas ao consumir esta inovação devido ao facto de usarmos um ingrediente muito semelhante à textura do peixe.”, conta-nos.

Pratos como o No Meat Burguer (8€) e a Tarte com Crumble (4€) são duas das opões que a família pretende manter no menu, no entanto vai-se moldando ao longo das estações. O primeiro prato tornou-se a estrela entre os seus clientes, pois é o prato que sai muito para o público não vegetariano, devido à sua semelhança com a carne. Como Simão refere, “Nós temos dois públicos, o público que é literalmente vegetariano, que não quer de todo ter um produto que é semelhante com a carne e temos um público que nunca experimentou um prato vegetariano e esta é a entrada deles. Então nós temos que conseguir ter um produto que dê um bocadinho aos dois.”.

Devido à sua envolvência com o mundo das artes, surgiu a idea de dar espaço a este ofício no seu restaurante. De 15 em 15 dias o Botellini alberga galerias artísticas de variados artistas nacionais, onde é possível realizar a compra de quadros através do C’art Blog.

Exposição de Pop Art da artista Cecilia Pinho

Para além do espaço luminoso e amplo nas duas salas de refeição, há também uma esplanada por explorar. Neste terraço pode ser encontrada uma pequena horta, onde produzem certos alimentos de acordo com as necessidades da elaboração de determinadas receitas. Simão refere, ” A ideia era ser quase criar uma horta comunitária, ou seja, as pessoas puderem vir e usufruir da mesma. Queremos que as pessoas não se interessem só pelo restaurante em si, mas também por aquilo que nós produzimos, envolvendo-se, neste caso, com a nossa agricultura.”

Botellini funciona de Domingo a Sexta das 12:30 às 14:30, para almoços e de Domingo a Quinta das 19:30 às 21:30, para jantares, encerrando aos sábados. O serviço take-away está também disponível caso queria desfrutar da sua refeição em sua casa.

Apesar de se apelidar como um restaurante vegetariano, é de frisar que nenhum produto utilizado na cozinha é de origem animal, seguindo a linha do vegetarianismo estrito.

Este restaurante muda, sem dúvida, a perspetiva em relação à comida vegetariana. A inovação, o sabor e o ambiente cordial transbordam no Botellini – sem dúvida um restaurante de excelência.

Lixo nos oceanos é o combate do Mar à Deriva para revitalizar a costa do Oeste


Durante as épocas balneares, a divulgação de toneladas de plástico encontrado nos areais e no mar tornou-se uma prática recorrente e, de certo modo, assombrosa pelas quantidades exuberantes de lixo achado na costa marítima portuguesa, incluindo em algumas das praias do distrito de Leiria. Lidia e Manuel Nascimento contam-nos a sua luta pela consciencialização de um mar mais limpo e seguro.

O dilema crónico do plástico nos mares tem sido um dos principais combates à escala mundial que consequentemente coloca em perigo milhares de espécies marítimas, ecossistemas e, deste modo, a vida humana. De acordo com a ONU (2018), ” 80% de todo o plástico descartado acaba nos oceanos”.

“Apanhamos lixo marinho há muitos anos, há mais de duas décadas“, conta-nos o casal que, em 2019, decidiu criar a página Mar à Deriva – Adrift Sea,  que conta com mais de 5000 likes no Facebook. “Começámos a partilhar o lixo que apanhamos desde abril de 2019, pois passou a aparecer muito mais lixo do que era habitual, ou seja, todas as marés cheias passaram a deixar lixo na areia e nas rochas.”

Os seus locais de ação passam um pouco por todo o território nacional e ainda além fronteiras. Sendo habitantes em Santa Cruz, Torres Vedras, é frequente deslocarem-se às praias no distrito de Leiria, como o caso da Nazaré e Peniche.” Em Peniche, além do lixo recente, existe lixo com muitos anos que estava enterrado e que com a subida do mar agora começa a aparecer. É habitual encontrarmos brindes dos gelados Rajá e Olá dos anos 60 e 70, por exemplo. Em julho encontrámos aquilo a que chamamos uma lixeira dos anos 80 pois, no espaço de cerca de 1 metro quadrado, encontrámos mais de cem embalagens dos anos 80.”, referem Lidia e Manuel Nascimento.

Resíduos dos anos 80 encontrados em Peniche

Após esta recolha massiva de lixo, foram vários os meios de comunicação social a tornar público o sucedido e diversas partilhas correram o mundo das redes sociais. O casal conta-nos que com as suas partilhas no Facebook conseguem contagiar, no bom sentido da palavra, cada vez mais pessoas a agirem contra esta problemática, “Há cada vez mais pessoas a enviarem-nos fotos e mensagens a contar o que apanharam.”.

Sacos e garrafas de plástico, cabos de pesca ou embalagens são algumas das centenas de objetos diferentes encontrados nas praias, no entanto há ainda registos de animais mortos e ossadas. “No ano passado, por exemplo, apanhámos cerca de 1 tonelada de lixo por mês, na sua maioria restos de artes de pesca.”, conta-nos o casal. No distrito de Leiria, o maior foco de lixo é encontrado na Praia do Molhe Leste, em Peniche.

Lixo recolhido na Praia do Molhe Leste em Peniche
Muitas vezes deslocam-se às praias apenas para surfar, mas mesmo assim apanham lixo a todas as praias que vão, “Infelizmente, onde há ondas há lixo, e se há lixo não conseguimos ficar indiferentes e temos de o apanhar.”.
 
Quando questionados sobre o aumento do lixo no mar nos últimos anos referem, “Cada vez há mais lixo e este ano com a agravante de também haver máscaras, quer deixadas na praia, quer trazidas pelo mar.”.
 
“Projetos de recolha de lixo marinho há bastantes, o que é necessário haver é medidas concretas e urgentes da parte dos decisores, quer políticos, quer empresariais. Essas medidas têm de ser tomadas agora, não se pode esperar mais. Para muitas espécies já é tarde demais, mas para outras ainda vamos a tempo se agirmos já.”, conclui Lidia e Manuel Nascimento.
 
Fotografias: Facebook Mar à Deriva – Adrift Sea
 

Batalha recebe parque infantil inclusivo – e super colorido!


Recentemente a Câmara Municipal da Batalha renovou um parque infantil, localizado no Jardim do Lena, tornando-o inclusivo. Recebeu o  nome de “Parque da Luisinha”, em homenagem a uma criança local muito acarinhada, portadora de doença rara (Síndrome de Cockayne) e recentemente falecida.

Este projeto surgiu de uma sugestão da “Casa do Mimo”, um Centro Lúdico e Ocupacional para Crianças e Jovens com Necessidades Especiais da Batalha, e representa um investimento de 65 mil euros. Será assim concretizada a transformação de um equipamento antigo e degradado num espaço novo, inclusivo e acessível às centenas de crianças e famílias que procuram os jardins da Batalha para lazer.

Para o Presidente da Câmara, Paulo Batista Santos, “trata-se de um parque infantil que está de acordo com as novas e exigentes regras de segurança e é um parque inclusivo, isto é, apto para o acesso e fruição por parte de crianças com mobilidade reduzida ou com necessidades especiais”.

Os novos equipamentos inclusivos instalados são um Baloiço Metálico Adaptado a Cadeira de Rodas, com a função lúdica de divertir e balançar e um segundo equipamento, designado Multifunções Inclusivo Popei, também acessível a utilizadores em cadeiras de rodas, com a função lúdica de divertir, socializar, jogar e escorregar. Os demais equipamentos foram totalmente reabilitados e reforçadas as medidas de segurança na sua utilização.

Todo o pavimento sintético foi renovado e composto por uma camada amortecedora de borracha certificada e com capacidade para amortecer até 1.50 metros de altura de queda.

Fonte e foto: Portal do Município da Batalha