Saiba se a sua praia é uma das 352 premiadas com Bandeira Azul


Escrito por:

Nos últimos 32 anos, o número de praias galardoadas em Portugal quase quintuplicou. As zonas balneares com Bandeira Azul não param de aumentar em Portugal. Em 2019 são 352 as que ganharam o direito de hastear a Bandeira Azul em 2019, mais 20 que no ano anterior. O poder ostentar a bandeira simboliza qualidade.

Em comunicado de imprensa foi esclarecido que “ esta realidade coloca Portugal no primeiro lugar entre os 44 países cujas praias ostentam este símbolo, sendo também aquele que dentro da União Europeia tem maior percentagem de praias galardoadas (55%) face às designadas como aptas para prática balnear no país. Em número absoluto, o ranking de Bandeiras Azuis continua a ser liderado por Espanha, Grécia, França e Itália.”

Entre as 17 novidades deste ano, destaca-se, na região de Leiria, a entrada da praia do Salgado (Nazaré).

A época balnear inicia-se em junho e dura até setembro.  Estas são algumas das praias mais limpas e seguras da região:

São Martinho do Porto, Alcobaça

Praia que cresce ao longo de uma baía deslumbrante, banhada pelo azul do mar. Pelas suas características é ideal para as crianças e para os desportos náuticos. A baía de S. Martinho do Porto é o último vestígio de um antigo Golfo que até ao século XVI se estendia a Alfeizerão e que se abre ao Oceano através de uma barra.

 

Paredes de Vitória, Alcobaça

Praia com um imenso areal que é abraçado por duas encostas, onde a acácia avança de forma galopante. No centro da praia, localiza-se a pequena povoação, com agradáveis esplanadas, restaurantes, parque infantil e sanitários públicos. Na encosta Sul, bastante urbanizada no topo, existiu uma mina que dá nome a esta zona da praia. A Norte, o areal é limitado pelo “castelo”, uma enorme formação rochosa, onde o vento e o mar moldaram um leão que repousa de frente para o Atlântico. No topo de ambas as encostas, existem boas condições para a prática de parapente.

 

Praia da Nazaré, Nazaré

Pelas suas condições de mar, as ondas da Nazaré são muito procuradas por surfistas e praticantes de bodyboard de várias nacionalidades. Mas sobretudo no verão torna-se uma praia da família, que oferece excelentes condições de segurança para banhistas de várias idades e com diferentes condições de mobilidade.

 

Praia dos Salgados, Nazaré

Protegida pela Serra da Pescaria (a norte) e pela Serra dos Mangues (a sul), localiza-se na freguesia de Famalicão, a Praia do Salgado, um destino muito procurado por quem gosta de tranquilidade. Devido às suas condições naturais, é, igualmente, um destino muito procurado por praticantes de desportos de aventura, como a asa delta ou o parapente.

 

Baleal Norte, Peniche

É bastante conhecida entre os surfistas da zona e do estrangeiro, sendo que uma das suas principais características é o mar agitado. Com uma grande extensão de areia, esta é uma das muitas praias da costa de Peniche com uma beleza natural muito particular.

 

Baleal Sul, Peniche

Aqui pode ir a banhos tranquilamente, com o mar relativamente calmo. Estas ondas não são opção para os surfistas. Mas uma opção acertada é escolher o Baleal Sul para destino de praia, seja pela sua beleza natural, seja pela sua área envolvente e pelos apoios que a praia oferece.

 

Consolação, Peniche

A Praia da Consolação é dotada de excelentes condições terapêuticas (sendo bastante procurada por esse motivo). Situada numa aberta enseada, o iodo acumulado aliado a outras condições naturais e a exposição ao Sol, proporciona o bem-estar de pessoas que procuram a cura dos seus males de origem reumática e óssea.

 

Cova de Alfarroba, Peniche

Situada numa baía acolhedora, a Praia da Cova de Alfarroba é uma estância balnear cuidada e muito apreciada, com um areal espaçoso, separado da estrada por um cordão de dunas que embelezam a paisagem.  A praia abrigada é excelente para banhos e possui completas infraestruturas de apoio.

 

Gambôa, Peniche

A praia da Gambôa envolve-se em pleno património cultural, conhecido como as muralhas de Peniche e o sistema dunar que tem grande valor ambiental. Esta é uma praia de mar cristalino e areia branca e fina, onde poderá descansar e trazer os seus filhos em segurança.

 

Medão — Supertubos, Peniche

A Praia de Medão, mais conhecida por “Supertubos” é, para praticantes do surf e bodyboard, uma paragem obrigatória. Neste momento estão a ser desenvolvidos projetos de apoio aos banhistas, tais como facilidades de acesso à praia para pessoas com deficiência.

 

Consolação, Peniche

O Forte da Praia da Consolação divide-a em duas partes distintas. Do lado sul, encontra-se uma zona de rochas muito rica em iodo. Com uma excelente exposição solar possui excelentes condições terapêuticas, sendo procurada por numerosas pessoas que aqui encontram alívio para doenças de ossos.

Do lado norte, a paisagem é completamente diferente. A partir do forte avista-se um largo e muito extenso areal, que se prolonga por vários quilómetros em direção a Peniche. Banhada pelo mar de ondulação forte, esta praia é muito apreciada pelos praticantes de surf e windsurf.

 

São Bernardino, Peniche

Uma extensão de areia não muito grande, mas com um ar acolhedor que se deve ao facto de estar abrigada entre as arribas que a rodeiam.
Tem bons apoios de praia como um bar-restaurante, é vigiada, tem estacionamento, mas sobretudo permite a combinação da beleza do mar com a tranquila paisagem de vegetação natural envolvente.

 

Pedrógão Centro, Leiria 

O areal está rodeado por uma marginal com restaurantes e bares que na época balnear se tornam no centro da agitação desta estância. No Verão costumam realizar-se concertos, campeonatos de andebol  (que atraem centenas de jovens) e outras atividades desportivas. As animadas noites estivais são um ponto positivo para gente de toda a região.

 

Foz do Arelho-Lagoa, Caldas da Rainha

Encontramos aqui uma praia que se divide em dois lados: de um lado a lagoa, um lugar de grande beleza, ideal para as crianças, devido às águas tranquilas e ideais para a prática de windsurf; e do outro lado, a praia aberta ao mar, que sem grandes correntes, oferece ótimas condições para a prática de surf. Não se questiona a qualidade das suas águas.

 

Praia do Mar, Caldas da Rainha

A Praia do Mar nas Caldas da Rainha é uma praia marítima junto à já sobejamente conhecida Praia da Foz do Arelho. A Praia do Mar encontra-se, também, limitada a Norte pelo Oceano Atlântico e a Sul pela bacia hidrográfica da Lagoa de Óbidos. Dispõe de várias infraestruturas e apoios permitindo, ainda, a prática de vários desportos como surf, bodyboard e windsurf.

 

Agroal, Ourém

A  Praia do Agroal é uma praia fluvial, de carácter rural, que se encontra localizada na maior nascente do Rio Nabão, na freguesia de Formigais. Esta zona, para além da própria praia, tem um parque de merendas com mesas, uma esplanada e um anfiteatro ao ar livre. Toda esta área tem uma grande importância paisagística e ecológica e é ideal para ser aproveitada, através de rotas de caminhada.

 

Osso da Baleia, Pombal

O  seu  nome deve-se ao  aparecimento  de  um  esqueleto de baleia que, segundo testemunhos orais, terá dado  à  costa  naquele  areal  no  início  do  século XX. Se gosta de fauna e flora  pode aproveitar para realizar os percursos pedestres “Trilho da Lagoa de São José” e “Trilho da Baleia Verde” para explorar a zona envolvente.

Conheça os galardoados em detalhe AQUI e veja-os no MAPA.

Trail Lagoa de Óbidos junta desporto, aventura e atletismo num só dia


Escrito por:

O Trail Lagoa de Óbidos regressa dia 21 de julho com um programa  por caminhos e trilhos na zona da Lagoa de Óbidos.

O Trail Lagoa de Óbidos tem o apoio da Câmara Municipal de Óbidos e da Junta de Freguesia do Vau e é composto por um Trail Longo na distância de 26 km e um Trail Curto de 12 km. A partida e chegada são na Praia do Bom Sucesso na Lagoa de Óbidos, sendo que o Trail Longo será feito a correr, enquanto que o Trail Curto será a correr ou a caminhar.

Haverá um percurso misto em asfalto no início da prova, de seguida os participantes entram na praia, correndo em areia junto ao mar; e por fim, dois terços do percurso serão em terra batida, ao longo da Lagoa de Óbidos.

Trail Longo · 26 Km

Até 15 de Maio: 10€
16 de Maio a 30 de Junho: 12,5€
1 de Julho a 14 de Julho: 15€

Desnível Acumulado: 601 metros
Desnível Positivo: 300 metros
Desnível Negativo: 301 metros

O Trail tem a distância de 26 km e tem início às 09:30 horas.
Terá partida e chegada na Praia do Bom Sucesso no Vau – Óbidos.
O tempo limite será de 4 horas para terminar.

Trail Curto · 12 Km

Até 15 de Maio: 8€
16 de Maio a 30 de Junho: 10€
1 de Julho a 14 de Julho: 12,5€

Desnível Acumulado: 355 metros
Desnível Positivo: 177 metros
Desnível Negativo: 178 metros

O Trail tem a distância de 12 km e tem início às 09:30 horas.
Terá partida e chegada na Praia do Bom Sucesso no Vau – Óbidos.
Poderá ser feito a correr ou a caminhar e não haverá tempo limite para terminar.

Prémios:

Trail Longo:
Troféus aos 3 primeiros da geral Masculina e Feminina.
Troféu às 3 primeiras equipas (de 3 atletas, independentemente do género).

Trail Curto:
Troféus aos 3 primeiros da geral Masculina e Feminina.
Troféu às 3 primeiras equipas (de 3 atletas, independentemente do género).

Outros prémios:
T-shirt técnica, medalha relativa à prova e outros prémios que a organização venha a angariar para todos os participantes na corrida.

Outras informações:
1. Secretariado:
Levantamento dos dorsais e o kit do atleta num local a definir.
Horário:
Sábado dia 20 de Julho das 10h00 às 18h00
Domingo dia 21 de Julho das 07:30 às 09h00

2. Balneários:
Haverá balneários na zona da chegada.

3. Massagens:
As massagens estarão disponíveis na zona da chegada para os atletas do Trail Longo.

Adquira aqui o seu bilhete.

Festival da Sardinha traz Rouxinol Faduncho, D.A.M.A, David Antunes e Berg à Praia do Pedrógão


Escrito por:

De 4 a 7 e de 11 a 14 de julho, a sardinha volta a ser rainha no Festival da Sardinha, que já vai na sua 22.ª edição. Oito concertos e tasquinhas, seis stands de exposição e um espaço infantil, trazem muito animação à Praia do Pedrógão.

 

Nos dias 4, 5, 11 e 12, as portas abrem às 19:00 para jantar; e nos dias 6, 7, 13 e 14 é possível começar pelo almoço, às 12:00 e continuar a petiscar tarde e noite dentro até à 01:00, em todos os dias do Festival.

As atuações terão lugar pelas 22:30h, num palco que será montado junto à rotunda sul da praia leiriense.

O programa do Festival conta com nomes bem conhecidos do panorama artístico nacional. As atuações do primeiro fim de semana começam no dia 5 com os UHF; seguindo-se Rouxinol Faduncho, de Marco Horácio: o humorista, apresentador e ator português que cresceu na Vieira de Leiria (dia 6). No fim de semana de 11 a 14, ainda, poderá ver e ouvir D.A.M.A (12/07) e David Antunes com Berg (13/07), o vencedor da edição de 2014 do Factor X, um músico com mais de duas décadas de palco a solo ou como parte integrante da banda de Rui Veloso.

Programa:

Dia 5
UHF

Dia 6
Rouxinol Faduncho

Dia 12
D.A.M.A

Dia 13
David Antunes e Berg

Nos restantes dias, a animação musical fica a cargo de Katedral, O Paço – Grupo de Danças e Cantares, Funkhology e Rancho da Maceira.

A entrada no recinto é livre e as sardinhas serão assadas e servidas por coletividades das freguesias de Carreira, Carvide, Coimbrão, Monte Real e Monte Redondo. Em média, estima-se que sejam consumidas cerca de cinco toneladas de sardinhas.

A pensar no ambiente e em comportamentos mais sustentáveis, a organização disponibilizará para venda um copo reutilizável, com o valor de um euro. Os utilizadores que não quiserem levar o copo para casa, podem devolvê-lo, sendo reembolsados em metade do valor.

O Festival, que ocupa uma área de quase três mil metros quadrados, conta ainda com mostras de produtos locais de algumas entidades da região e de diversos setores de atividade.

Caldas da Rainha é o município convidado da Feira Internacional de Artesanato 2019


Escrito por:

Caldas da Rainha é o município convidado da Feira Internacional do Artesanato (FIA) 2019, que terá lugar na FIL- Feira Internacional de Lisboa, de 29 de junho a 7 de julho.

 

As Louças das Caldas destacam-se pelas famosas travessas, bules e canecas,  em formato de couve, alface ou abóboras, mas o que mais distingue a cerâmica caldense é a sua vertente humorística e caricaturista. O “Zé Povinho” é exemplo da personagem imortalizada pelo artista português Rafael Bordalo Pinheiro e é adotada como símbolo de Portugal e do povo português que, ainda nos dias de hoje, continua a dar que falar.

Segundo a organização, em comunicado de imprensa, o município caldense“apresenta o melhor do artesanato popular, possuindo no seu património diferentes tipos de peças que são reconhecidamente do agrado dos portugueses, seja pela sua conotação humorística ou pela simbologia de reação ao sistema. Estamos convictos de que esta mostra, pela sua genuinidade, se irá inserir perfeitamente no espírito da FIA 2019, trazendo aos nossos pavilhões um aspeto mais “colorido” e que faz parte do património cultural dos portugueses em geral e das Caldas da Rainha em particular“.

A Câmara Municipal de Caldas da Rainha encara esta participação como uma plataforma para dar a conhecer todo o património inerente à cidade e defende que “desde as termas às artes, da cultura à natureza, do património à gastronomia, estão todos convidados a conhecer Caldas da Rainha!

Durante nove dias, estarão também presentes os Bordados das Caldas, com a presença da Associação de Bordados das Caldas da Rainha, bem como de um total de 160 artesãos portugueses.

A nível cultural e gastronómico, este evento transforma a FIL numa montra de multiculturalidade, a maior da Península Ibérica e a segunda maior da Europa.

A FIA está aberta todos os dias 15h00 às 24h00  e o pavilhão 3, da gastronomia, está aberto a partir das 12:30. Os bilhetes podem ser adquiridos online, a 7€, com desconto em relação aos bilhetes adquiridos nas bilheteiras da FIL. Existe também desconto para jovens e seniores (apenas se comprados nas bilheteiras físicas) e packs familiares de 3 e 4 pessoas (se comprados online).

Fotografia: DR

Castelo de Leiria em obras até 2021 para requalificação do espaço


Escrito por:

O Castelo de Leiria fechou as portas ao público no passado dia 3 de junho para a realização de obras de requalificação do espaço.

Com o objetivo de estreitar a ligação da comunidade com aquele que é um dos mais emblemáticos monumentos do concelho, estima-se que em cerca de dois anos, a intervenção que totaliza 3,8 milhões de euros, crie acessos mecânicos, cafetaria, anfiteatro e uma cobertura para a Igreja da Pena.

Gonçalo Lopes, vereador da Cultura da Câmara Municipal de Leiria, afirmou em comunicado de imprensa que “o Castelo é uma pérola da estratégia de reabilitação urbana que estamos a fazer em Leiria”. Estão previstas iniciativas como: um programa de visitas guiadas, uma exposição e a possibilidade de efetuar uma visita 3D ao Castelo.

Com este conjunto de obras, a Câmara pretende tornar o castelo “mais acessível e inclusivo”, promovendo, em conjunto, a preservação do ex-libris da cidade e a criação de novas funcionalidades.

Fotografia: DR

Quer do ponto de vista económico como cultural, o Castelo tem um papel fundamental na estratégia de desenvolvimento do concelho. Segundo o responsável pela área da Cultura no Município de Leiria, “o Castelo tem de ser um palco de cultura aberto à população de Leiria e a quem nos vista”. Estão também previstos trabalhos no núcleo amuralhado e na Igreja de S. Pedro (já em curso), prevendo-se que no Verão de 2021 o monumento possa estar de novo aberto.

O Castelo em 2018, atingiu o seu pico de visitantes com 85.671€ entradas. Em 2017 contabilizaram-se 84.694 visitas, o dobro de 2009. Acredita-se que há um enorme potencial e que com as obras de requalificação, passará a ter conduções excecionais para eventos culturais entre outros.

No Núcleo Amuralhado, Castelo e Envolvente – Edifício e Espaço Público a empreitada tem um custo de 1.929.301,65 euros + IVA (prazo de 600 dias), a construção dos acessos mecânicos custará 1.691.999,76 + IVA (prazo de 270 dias) e a intervenção na Igreja de S. Pedro 190.790,54 + IVA euros (270 dias).

No que diz respeito ao núcleo amuralhado, destacam-se as intervenções na Casa do Guarda, terreiro e Celeiros Medievais, acessos curtos e longos e Igreja da Pena, que será coberta de modo a protegê-la dos efeitos das intempéries.

Visitas guiadas às obras – Programa:

Visitas Gratuitas

Sábados: das 10 às 11, nos dias 31 agosto e 26 outubro de 2019 e 25 janeiro, 28 março, 30 maio, 27 julho, 26 setembro e 28 novembro de 2020, de modo a manter o contacto entre o Castelo e a população, mas de forma segura e controlada.

Programa de visitas guiadas à Torre de Menagem, Paços Novos e Exposição “Castelo de Leiria – Construções de um lugar:
Sábados, das 10 às 11 horas, nos dias 27 julho,28 setembro e 30 novembro de 2019, e 29 fevereiro,25 abril, 27 junho, 29 agosto e 31 outubro de 2020.

A partir de julho será possível fazer visitas virtuais em 3D ao Castelo de Leiria, através de vídeos em realidade virtual – “Castelo de Leiria em 360º”, em multiplataformas a partir de qualquer lugar, sendo possível assistir à projeção em ecrã e através de óculos de realidade virtual no museu da imagem em movimento.

Dia 7 outubro de 2019 – Dia dos Castelos, haverá uma oficina pedagógica para público escolar “Jogos antigos” e uma palestra sobre a História do Castelo de Leiria.

No dia 18 abril de 2020 – Dia Internacional dos Monumentos e Sítios – realiza-se uma conferência sobre o Castelo de Leiria.

Está ainda prevista uma exposição fotográfica (jul-set 2020) na Igreja de S. Pedro, com o tema “Castelo de Leiria – passado e futuro”.

Sendo o monumento mais visitado do concelho, o Município está a  desenvolver, em paralelo com a intervenção, um conjunto de estratégias de comunicação, não só para passar a informação sobre o encerramento, mas também para permitir à população o acompanhamento dos trabalhos.

Pode acompanhar as obras de requalificação e restante informação na página do facebook.

Volta a Portugal regressa a Leiria e à Marinha Grande no início de agosto


Escrito por:

A passagem do pelotão da Volta a Portugal retorna, naquela que é a 81ª edição da prova rainha do ciclismo nacional, aos dez concelhos que compõem a Comunidade Intermunicipal da Região de Leiria (CIMRL) nos dias 1 e 2 de agosto.

A prova começa dia 31 de julho com um prólogo em Viseu e a chegada está prevista para o dia 1 de agosto a Leiria. Castanheira de Pera, Pedrógão Grande, Figueiró dos Vinhos, Alvaiázere (meta volante), Ansião e Pombal (meta volante) fazem parte do itinerário até chegar à capital de distrito.

Leiria recebe a final de etapa da Volta pela 18ª vez e a chegada acontece na reta de 600 metros da avenida Dr. João Soares, em Leiria. A etapa terá 174,4 quilómetros e será uma das poucas oportunidades para sprinters.

No dia 2 de agosto, o itinerário junta a cidade da Marinha Grande, que após 29 anos regressa à Volta. Este é o ponto de partida para a etapa que tem como destino final Santo António dos Cavaleiros (Loures), com uma contagem de terceira categoria, após a mais longa ligação da corrida, com uma extensão de 198,5 quilómetros.

Segundo fonte da Comunidade Intermunicipal “a volta a Portugal vai voltar em pleno em 2019 a todos os concelhos da área da CIMRL”. Embora este evento tenha um custo de 100 mil euros para os cofres da CIMRL e dos municípios associados, a mesma fonte garante tratar-se de um “evento de relevância internacional” que “por si só dá visibilidade, divulga e promove a região”.

A forte tradição que nos dias de hoje ainda se fazem sentir em torno do ciclismo nacional faz com que este evento seja também um marco importante na história e consequentemente um reforço da identidade territorial.

Mercado da Cerveja e do Marisco passa para 4 dias de refeições imperdíveis


Escrito por:

Se é daquelas pessoas que gosta de se juntar com a família e amigos para uma mariscada, este evento não deve perder. De 7 a 10 de junho pode provar os melhores pratos servidos nas marisqueiras e cervejarias de Leiria.

Ao todo vão estar presentes quatro restaurantes e as respetivas especialidades: Cervejaria Liz Bar, Marisqueira César, Restaurante João Gordo, Restaurante O Manel da Quitéria. Para adoçar a boca no final, a creperia e geletaria Permacati também vai ter o seu espaço por lá.

O evento será realizado no Mercado de Sant’ana, perto da fonte luminosa de Leiria. Esta já é a segunda edição do festival. Os horários são diferentes, consoante os dias: sábado e domingo (17h-00h), sexta (18h-00h), segunda (17h-22h).

O acesso a cada dia do mercado terá o custo de 3€ (consumíveis). Durante o evento, vão atuar artistas e músicos locais, para animar todos os apreciadores de lagosta, sapateira, camarão e outras especialidades.

 

1º Dia – Sexta-feira

Acácio Gomes irá fazer as honras de abertura do tão esperado Mercado da Cerveja e do Marisco. O músico de nome inconfundível da região de Leiria irá a animar a noite com a sua magnífica voz e guitarra. 

2º Dia – Sábado

On Stage Acústico Covers vão estar responsáveis pela animação do segundo dia – Inês David, na voz, acompanhada por Eduardo Moreira, na guitarra. 

3º Dia – Domingo

A banda Besax Trio vem animar o 3º dia do Mercado da Cerveja e do Marisco. Provenientes da Nazaré este trio fará com que aproveite o domingo ao máximo, até porque no dia seguinte é feriado.

4º Dia – Segunda Feira
Elsa GomesEntertainer, ocupa o palco no dia de encerramento do Mercado da Cerveja e do Marisco. Desde o Pop ao fado, passando um pouco por todos os estilos musicais, a artista irá maravilhar os presentes com a sua voz.

Fotografias: DR

Festas de Santo António trazem Amor Electro e D.A.M.A a São Martinho do Porto


Escrito por:

Com um programa de 10 dias, a decorrer de 7 a 16 de junho, difícil será escolher qual o dia a estar presente, naquela que é uma das festas mais emblemáticas da região oeste.

A Freguesia de São Martinho do Porto celebra a festa de Santo António com várias atividades e romarias, onde não faltam os tradicionais festejos com fogo-de-artifício e espetáculos musicais e culturais, que alegram as gentes da terra.

Para além de um conjunto de eventos e atividades com muitas surpresas, este ano, a organização promete variedade de expositores e animação, bem como diversidade em termos gastronómicos.

O cartaz destaca-se pela presença de conceituados grupos musicais portugueses da atualidade, entre os quais: Amor Electro, D.A.M.A, Tributo a Xutos e Pontapés, entre outros.

A entrada é livre, excepto nos dias 8 e 15. Pelo valor simbólico de 2€, pode ver os Amor Electro e os DAMA, respetivamente. A pré-venda dos bilhetes faz-se no recinto das festas e começa já amanhã (dia 7).

 

Programa:

Dia 7:

  • Banda Foka Energue
  • Dj Nigga – Villa Club

Dia 8:

  • Futebol Praia
  • Peddy Paper
  • Percurso Kayak
  • Organização CNE
  • Aula Aberta de Jiu-Jutsu
  • Procissão das velas
  • Banda Amor Electro

  • Dj Nuno Fernandez

Dia 9:

  • Futebol Praia
  • Exposição Renault 4L
  • Showcooking de algas
  • Banda: Tributo Nirvana
  • Anavrin

  • Dj Blank Space

Dia 10:

  • 1º Convivio Biker
  • Banda: Tributo a Xutos e Pontapés

Dia 11:

  • Banda: Sidekick

  • Dj Mari Ferrari

Dia 12:

  • Banda:  Lords
  • Fogo de Artificio

Dia 13:

  • Oeste Internacional community volunteers
  • Banda: Benband

Dia 14: Academia de música de alcobaça

  • Banda: GNTK

  • DJ Tiago M

Dia 15:

  • ETEO- Pinturas faciais
  • Academia de música de Alcobaça
  • Kempo- Aula aberta
  • Banda: D.A.M.A

  • Dj: Huma- Noyd

Dia 16:

  • Missa solene
  • Procissão
  • Bênção das embarcações
  • Dança pais e filhos, avós e netos
  • Encerramento das festas

Santo António, padroeiro dos pescadores, é venerado com uma procissão à Capela de Santo António no dia 16, seguido da missa, prevista para as 15h.

Fotos: DR

 

José Cid, Blaya, Gabriel O Pensador, Carolina Deslandes e Toy nas Festas do Bodo

bodo-pombal-2019-til-magazine

Escrito por:

Já está revelado o cartaz das Festas do Bodo 2019. De 25 a 30 de Julho, no Largo do Arnado, em Pombal, José Cid, Blaya, Gabriel O Pensador, Carolina Deslandes e Toy são alguns dos artistas que vão animar as noites mais aguardadas desta cidade.

Estas festas apresentam um conjunto de artistas conhecidos do ponto de vista do panorama musical português e cujos nomes vão ao encontro de “grande parte das escolhas do público pombalense”, que respondeu positivamente ao desafio da Câmara Municipal para contribuir para a escolha dos artistas a atuar no palco do Bodo. Não repetir artistas dos últimos anos foi também um dos critérios sublinhados pela presidência do Município.

A primeira noite das Festas do Bodo acontece na quinta-feira (25 de Julho) numa “noite 100% pombalense”. Assim, num dia dedicado às bandas locais, sobem ao palco Toothless Cage, Collapsus, Submarines in the Sky e Isabella.

Na sexta-feira (26), a animação do Bodo fica a cargo de José Cid.

 

No terceiro dia (sábado, 27) atua a cantora Blaya, que, segundo declaração do presidente da Câmara Municipal, Diogo Mateus, foi das “escolhas mais votada pelo público pombalense”.

 

O domingo (28) apresenta uma novidade: “um artista que não sendo português, canta em português”. Trata-se de Gabriel O Pensador, cuja “escolha é porventura um passo diferente do clássico”, no sentido que em será “talvez a primeira vez nos últimos anos que temos um artista que não é português a atuar nas Festas do Bodo”.

 

Segunda-feira, (29) sobe ao palco Carolina Deslandes, que ficou “em sexto lugar na preferência do público”.

 

O último dia (terça-feira, 30) está a cargo de Toy e promete animar o Largo do Arnado, fechando com “chave de ouro” mais uma edição das Festas do Bodo.

Após as atuações a animação ficará a cargo de Dj’s.

O autarca pombalense esclarece que “sob o ponto de vista orçamental temos um incremento de talvez 20.000 euros”, frisando que “estamos a trabalhar no teto já definido há alguns anos”, cujo “orçamento andará muito perto dos 300.000 euros”.

O campeonato de rally que se realizará, no sábado (27), pelas 21h00, na cidade de Pombal e a Super Especial do Rally de Alitém são algumas das novidades desta edição das festas do Bodo. Como habitual e já esperado haverá uma área reservada a expositores na zona envolvente ao Largo do Arnado.

De referir que além do Município de Pombal, a organização das Festas do Bodo conta também com a colaboração da ADILPOM e da PMU, entre outras entidades que se associam em atividades específicas.

Start up Leiria – o evento de 48h que pode mudar a sua vida


Escrito por:

Com a duração de 48h, o Start Leiria Up é um evento de alta intensidade, cujo objetivo é estimular as ideias de negócio, com a ajuda de mentores. Aqui, qualquer pessoa pode participar, mesmo aquelas que ainda não têm nenhuma ideia pré-concebida.

 

Este evento juntará vários empresários com experiência na área de inovação, num só local, para ajudarem os participantes. Haverá palestras, workshops e mentores durante o evento. Esses mentores irão acompanhar pessoalmente cada uma das ideias e irão partilhar o seu conhecimento para que os participantes possam ter o maior sucesso possível.

Para participar não é obrigatório que a inscrição seja em equipa, uma vez que será feito um exercício de brainstorming para gerar ideias e, posteriormente, serão constituídas equipas. Caso já tenha uma equipa formada, basta que todos se inscrevam individualmente e se juntem no evento.

Existem bilhetes de várias áreas para que as equipas sejam multidisciplinares. As áreas são: Engenharia, Gestão/Marketing, Design, entre outras. Caso ainda estude, o seu bilhete terá um desconto. Todos os bilhetes incluem o jantar de sexta-feira e snacks e bebidas durante os 3 dias. 

As vagas são limitadas e abertas a estudantes e não estudantes de qualquer idade e as inscrições estão abertas até dia 24 de Maio. Os bilhetes podem ser comprados aqui, com o preço a variar entre os 20€ e os 25€.

O Start Leiria Up, organizado pela ENI –  Empowering New Ideas – núcleo de apoio ao empreendedorismo do IPL, conta com o principal parceiro: Grupo Lusiaves e, ainda, com o apoio da Câmara Municipal de Leiria e do Instituto Politécnico de Leiria.

São ainda parceiros: Casper Ventures, D. Dinis Business School, Atlas Hostel, Incubadora iddNet e Startup Leiria.

 

Até agora, os mentores anunciados são:

Hugo Castro, CEO da GOiN

Nuno Fonseca, CEO da Sound Particles

Francisco Aguiar, CEO – Startup Leiria

João Pedro, CTO – Lugg it

 

Prémios para a equipa vencedora:

  • 3 meses de incubação e acompanhamento profissional da Incubadora iddNet de Leiria
  • 3 meses de aceleração e acompanhamento profissional na Startup Leiria

 

Horário:

Sexta-Feira 31 maio

18:30 – Abertura de portas do Edifício EDP. – Chegada e Check In dos participantes
19:30 – Exercício de BrainStorming
20:00 – Pitch das ideias
20:30 – Criação de grupos
21:00 – Jantar (Este jantar será no local do evento e está incluído no preço do bilhete)
22:00 – Workshop Business Model Canvas
22:30 – Início de trabalho e desenvolvimento
24:00 – Encerramento do dia. Drinks & Networking no Atlas Hostel (Oferta de 1 cerveja a cada participante no Atlas Hostel)

Sábado 1 de junho

09:00 – Abertura de portas do Edifício EDP – Continuação do desenvolvimento
12:30 – Hora de almoço
14:30 – Chegada dos mentores ao Edifício EDP – Início do processo de mentoria
18:00 – Orador a anunciar
18:45 – Orador a anunciar
20:00 – Hora de Jantar
24:00 – Encerramento do dia

Domingo 2 de junho

09:00 – Abertura de portas do Edifício EDP – Continuação do desenvolvimento
12:30 – Hora de almoço
15:00 – Workshop “How to Pitch”
15:30 – Preparação de Pitch
18:00 – Início da apresentação dos Pitchs aos júris
19:30 – Resultados do júri
20:00 – Encerramento do Start Leiria Up

Fotografias: DR