Estes são os filmes da Festa do Cinema Francês que podes ver em Leiria


Entre 30 de outubro e 3 de novembro, os teatros José Lúcio da Silva e Miguel Franco acolhem a 20ª edição da Festa do Cinema Francês, que conta com cinco filmes em antestreia, além de sessões para os mais novos.

Depois de Lisboa, Porto, Setúbal, Almada e Coimbra, na cidade do Lis são exibidos os últimos filmes de Catherine Deneuve, Fabrice Luchini ou Ludivine Sagnier, confirmando-se também a presença do realizador Julien Hallard, que vem apresentar o seu último trabalho. A TIL mostra-te os destaques do evento.

  • Comme des Garços – Quarta-feira, 30 de outubro, Teatro José Lúcio da Silva, 21:30

Comme des Garçons é uma comédia inspirada na história da primeira equipa francesa de futebol feminino. A acção decorre durante os anos 60 e o filme tem merecido destaque na imprensa por ser uma fiel caracterização de época. Confirmada na sessão de Leiria está a presença do realizador, Julien Hallard.

 

  • Tout nos Sépare – Sexta-feira, 1 de novembro, Teatro Miguel Franco, 21:30

Em Tout nos Sépare, Catherine Deneuve é uma mãe de família burguesa que tenta salvar a filha (Diane Kruger) de uma relação questionável, o que a põe em confronto com os habitantes de um bairro social vizinho. Há um desaparecimento e tentativas de chantagem neste thriller realizado por Thierry Klifa, protagonizado também pelo rapper Nekfeu.

 

  • Lola et ses Frères – Sábado, 2 de novembro, Teatro Miguel Franco, 21:30

Lola et ses Frères é uma comédia dramática sobre três irmãos que parecem destinados a desencontrarem-se. Casamentos, divórcios, ou o peso da paternidade são os temas deste filme protagonizado por Ludivine Sagnier e realizado por Jean-Paul Rouve.

 

  • Le  Mystère Henri Pick – Domingo, 3 de novembro, Teatro Miguel Franco, 21:30

Também do confronto entre ligeireza e gravidade “vive” Le  Mystère Henri Pick, realizado por Rémi Bezançon. Uma jovem editora encontra um manuscrito numa biblioteca da Bretanha que depois de editado se transforma num best-seller. O mistério adensa-se porque Henri Pick, o autor recentemente falecido, era o dono de uma pizzaria que nunca terá escrito nada além de listas de compras. Fabrice Luchini interpreta um crítico literário que, desconfiado de uma eventual impostura, decide investigar o caso.

 
Vídeos / Fotografia: DR