Feira dos Frutos recebe grandes artistas nacionais em 10 dias de festa

Feira dos Frutos

Escrito por:
Rui de Sousa
Rui de Sousa
                       

Últimos posts de Rui de Sousa (see all)

E há prémio para quem comprar bilhetes eletrónicos para a Feira dos Frutos: uma Ecobox

Começa já no dia 16 de agosto, nas Caldas da Rainha, a Feira Nacional de Hortofruticultura, ou para os mais despercebidos, a Feira dos Frutos.

Com localização no centro das Caldas da Rainha, mais concretamente dentro do Parque D. Carlos I, a feira estende-se até 25 de agosto e vai contar com inúmeros artistas de renome.

Os grandes concertos iniciam sempre às 22h e é uma das grandes apostas da organização. Dia 16, Jorge Palma inicia as hostes. No sábado, 17, Bárbara Bandeira promete entreter a faixa etária mais nova. No domingo André Sardet vai enfeitiçar a Feira dos Frutos.

A semana seguinte também promete casas cheia. Na segunda-feira, dia 19, há concerto da Banda Comércio e Indústria com a presença de Ana Bacalhau (vocalista dos Deolinda). Na terça a Feira dos Frutos recebe um concerto a solo de Tatanka, vocalista dos Black Mamba. Os dias seguintes contarão com grandes nomes do rap, pop, funk, fado e rock português, ou seja, Wet Bed Gang (dia 21), João Pedro Pais (22), Blaya (23), Raquel Tavares (24) e Rui Veloso (25) a fechar mais uma edição da Feira dos Frutos. A seguir aos concertos há sempre uma festa com DJs.

Além dos concertos, há muitas atividades para fazer na Feira dos Frutos. Animação, venda de frutas, artesanato, workshops, actividades para as crianças, exposições, iniciativas ligadas à saúde e bem-estar, nutrição, showcookings com chefs conceituados, que irão utilizar os produtos locais e da época, são apenas algumas das atividades que a organização da Feira dos Frutos enuncia em comunicado.

No espaço institucional estarão presentes a Associação Portuguesa Maçã de Alcobaça, a Associação Nacional de Produtores de Pêra Rocha e outras entidades. A zona do Parque das Bicicletas voltará a acolher a recriação do tabuleiro da Praça da Fruta e o espaço showcooking manter-se-á na Pala da Cerâmica, complementando com o espaço de vinhos, queijos e enchidos, numa parceria com a Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste, Cozhen e Cooking Sensation.

Haverá também espaços criados para as crianças, artesanato e zona de restauração, bares e street food.

Frutos é evento mais sustentável

A 31ª edição da Frutos volta a ter o selo Eco-Evento e a certificação “Evento Mais Sustentável”, numa efectiva preocupação ambiental que será visível em todo o recinto.

A feira está comprometida com práticas de redução do impacte ambiental, através de várias medidas, nomeadamente com a gestão adequada de resíduos, iluminação LED, utilização de um copo reutilizável (os copos de plásticos são proibidos), cinzeiros portáteis, actividades de sensibilização ambiental e minimização do impacto das próprias infraestruturas da feira nos espaços verdes do Parque.

A organização vai distribuir eco-cinzeiros portáteis para minimizar o impacto das beatas no chão e colocar de 24 cinzeiros fixos no Parque D. Carlos I.

Ecobox – para levar para casa e plantar a sua própria árvore

Outra das iniciativas da Feira dos Frutos está relacionada com a redução do número de bilhetes impressos. Ou seja,  quem adquirir bilhetes electrónicos recebe uma “Ecobox”, uma caixa que contém um vaso com uma árvore, que pode ser plantada diretamente no solo.

Tem bilhete Frutos? Então tem quatro horas de estacionamento gratuito!

A aquisição do bilhete confere mais três horas de estacionamento gratuito nos parques do município, para além da primeira hora que já não se paga no resto do ano.