Leiria sem estrelas Michelin – mas há 2 restaurantes com selo de qualidade até 35€

restaurante bombarral

Esta é a segunda categoria mais importante da Michelin, só atrás das famosas estrelas da mesma marca.

Mais um ano civil, mais uns prémios Michelin e, infelizmente, mais um ano sem qualquer estrela Michelin para os restaurantes de Leiria e arredores. Restaurantes como o Belcanto (José Avillez) ou Alma (Henrique Sá Pessoa) mantiveram a sua dupla estrela, enquanto outros conquistaram a primeira, caso do 100 Maneiras (Ljubomir Stanisic).

Tal como já abordamos, do distrito de Leiria ninguém conseguiu tamanha distinção, mas isso não colocou alguns excelentes restaurantes na órbita do roteiro Michelin – neste caso numa segunda categoria dos melhores restaurantes do país. O selo Bib Gourmand, existente desde 1997, enumera os restaurantes com a melhor qualidade preço de Portugal, até (uma média) 35€ por pessoa – um preço provavelmente acima da média mas que não chega nem de perto àqueles com estrelas Michelin.

No distrito de Leiria existem dois restaurantes com selo de qualidade Bib Gourmand:

Restaurante Casinha Velha (Marrazes, Leiria)

restaurante casinha velha leiria

Opinião do Guia Michelin:
“Aqui a sensação é a de ir a uma casa particular, pois deve-se tocar a campaínha para entrar. Encontrará uma agradável zona de espera e uma simpática sala de jantar no piso superior, decorada com uma estética rústica-campestre que toma como leitmotiv tudo o relacionado com a cultura do vinho. O cliente costuma surpreender-se com a variedade das entradas, as especialidades caseiras dedicadas a cada dia da semana e, sobretudo, com a completíssima garrafeira (oferecem mais de 1000 referências). Um restaurante de grande interesse para os enólogos aficionados, pois, de vez em quando, também organizam provas”.

 

Restaurante D. José (Bombarral)

Restaurante D. José Bombarral
Foto: Nélson Louro

Opinião do Guia Michelin:
“Restaurante tipo vila localizado na entrada do Bombarral. O negócio, gerido em família, apresenta uma sala funcional-atual na qual chama a atenção tanto o retrato do rei José I de Portugal, pintado sobre azulejos, como a curiosa garrafeira envidraçada onde o cliente pode entrar e escolher, por si próprio, o vinho que lhe irão servir. A ementa, reduzida, mas em constante evolução, reflecte a essência da… autêntica cozinha caseira portuguesa! Entre as suas especialidades estão os Filetes de linguado, com arroz e molho tártaro, ou a Feijoada de porco preto”.

 

Foto: Nélson Louro