Há uma árvore centenária em São Pedro Moel nomeada para o prémio de Árvore do Ano

árvore são pedro moel

O Bravo Pinhal do Rei está nomeado para o prémio de Árvore do Ano, juntamente com outras nove. Descubra como pode votar.

Árvores há muitas mas algumas suscitam maior interesse, seja pela dimensão, pelo formato ou o tom. Em São Pedro de Moel reinavam várias árvores mas o fatídico incêndio de 2017 destruiu grande parte desse verde que agora se resume a um deserto mais escuro.

Felizmente algumas dessas árvores sobreviveram, incluindo a árvore Bravo do Pinhal do Rei, um Pinheiro-Bravo (PINUS PINASTER AITON) com 125 anos, que se destaca por crescer mais na horizontal e em “modo deitado”. Esta é a única árvore da região que está em concurso para “Árvore do Ano”, uma organização da UNAC (União da Floresta Mediterrânica).

Esta árvore tem 11 metros de altura e um perímetro do tronco de dois metros. Segundo a organização esta árvore é assim descrita:
 
“Qual guardião das dunas, este pinheiro veterano, com o seu tronco imponente e inusitado serpenteia pela areia como que a ouvir o pulsar da terra. Um representante invulgar da sua espécie, destaca-se dos demais ao não desafiar a gravidade e manter-se junto ao chão, conquistando uma vasta área, de mais de 260m2. Assim permanece até hoje o Bravo do Pinhal, para deleite de quem o avista, lutando contra ventos, tempestades e o avançar da areia numa batalha invisível e interminável”.
 
A votação é pública e pode fazê-lo através deste link.