Borraponto: em Alqueidão da Serra há um projeto que vai transformar cápsulas de café em adubo e combustível fóssil


Promover a recolha e separação de cápsulas de café, efetuar a separação e reciclagem dos invólucros e transformar as borras em adubo e pellets para aquecimento de habitações – é este o objetivo do projeto Borraponto.

Promovido pela Junta de Freguesia de Alqueidão da Serra, a iniciativa foi também financiada em 25.000 euros pelo Ministério do Ambiente e já tem 10 recipientes, em forma de barril, espalhados para recolha de cápsulas, como se pode ver na página de Facebook da freguesia do concelho de Porto de Mós.

O objetivo é criar e gerir uma rota de recolha destes resíduos, utilizando para o efeito um veículo elétrico, e assegurar e promover a reutilização das borras para fins agrícolas (como fertilizante nos terrenos baldios e espaços verdes da freguesia). Desta forma, assegura-se a  reciclagem das cápsulas de plástico ou alumínio, envolvendo a comunidade e instituições locais.

Após seis meses de implementação do projeto prevê-se o estabelecimento de parcerias com empresas de transformação de forma a converter as borras em pellets para aquecimento. Além disso, o objetivo é alargar a iniciativa às restantes freguesias do concelho.

Vídeo de apresentação do Borraponto.

Site oficial do projeto