Blaya, Papillon e Quim Barreiros na Receção ao Caloiro de Leiria 2018


A Receção ao Caloiro de Leiria chega mais tarde este ano, mas não é a data que vem tirar qualidade à festa académica. De 5 a 10 de novembro, Toy, os rappers Plutónio e Papillon, a “tempestade” Blaya e o assíduo convidado Quim Barreiros são os principais nomes de um cartaz que parece ainda não estar fechado.  Presentes estarão ainda Emanuel Moura, artista de fado humorístico, e as habituais tunas dos vários campus do Instituto Politécnico de Leiria (IPL).

A nível da seleção de artistas, o cartaz é semelhante ao de edições anteriores, na medida em que estão escolhidos artistas de vários estilos musicais, como pimba, hip-hop, pop e, certamente, alguns DJ, que ainda não foram divulgados. Um alinhamento que, tudo prevê, se rege em função de edições anteriores. Ainda assim, a forte aposta no hip-hop tem sido uma constante nos últimos anos. Nos últimos anos, Slow J, Dillaz, Valete, Piruka foram apenas alguns dos rappers do panorama nacional que actuaram na cidade do Lis.

Relativamente aos preços, esses parecem também não mudar. O passe semanal, cuja fase de pré-venda terminou esta semana, tem um custo mínimo de 25 euros. Esse valor é praticado para os caloiros. Os passes semanais para qualquer outro estudante têm o custo de 27 euros, mediante a apresentação de um cartão que o identifique como tal, no local de compra. Para não-estudante, os passes passam para 29 euros. A diferença de preço praticada no preço de para estudante e não-estudante tem vindo a criar alguma polémica entre a comunidade académica. Quanto ao preço dos bilhetes diários, serão divulgados até à próxima semana na página oficial de facebook da Receção ao Caloiro de Leiria, aquando da publicação do cartaz completo.

O recinto do festival ainda não foi anunciado pela organização, mas irá ser construído nas traseiras da empresa Caiado, junto à A19, como foi noticiado pela TIL por fontes da AE.